domingo, 18 de dezembro de 2016

EXISTE DOUTRINAÇÃO EM ESCOLAS? Sim, mas ela é a religiosa.

Nem de longe esse é um assunto novo, mas nos últimos meses ele ganhou destaque quando o ser incompetente e incapaz sentado à cadeira do ministério da educação de Michel Temer, além de ter recebido dicas sobre educação da organização criminosa chamada MBL e de Alexandre Frota, que sequer educador é e tem um histórico bastante "questionável" no tocante à cultura e processos passados por agressões e outras coisinhas mais, acatou e transformou em projeto de lei, uma aberração digna da idade das trevas ou de alguma cultura teocrática, o aviltante projeto chamado "Escola Sem Partido".

A paranóia da "direita" ataca novamente.

De acordo com os autores desse projeto, que é uma ofensa a qualquer um que tenha o QI superior ao de uma ostra e só é capaz de agradar a completos ignorantes ou a oportunistas do caráter mais baixo e sujo, existem nas escolas brasileiras, em especial as públicas, um tipo de "doutrinação de esquerda" por parte dos professores que, de forma maquiavélica, tentam formar adeptos do comunismo, socialismo e militantes do PT e que as crianças, indefesas e incapazes de reagir a sistemática doutrinação dos profissionais da educação, estariam fadados a se tornar marionetes da esquerda.


Todos sabemos muito bem que, pessoas paranoicas e cínicas tendem a ver seus maiores defeitos em todos a sua volta, mas não em si mesmo. Entre as pessoas que simpatizam com esse projeto, está uma pequena parcela que simplesmente não entendeu ainda do que ele se trata o projeto e acredita que, de alguma forma, o mesmo visa proteger as crianças em idade escolar. Esses são realmente poucos, mas existem. Quanto ao restante, podemos agrupar nos seguintes:


1."Olavetes" e "Nandetes" paranoicas:
Fazem parte do mesmo grupo que invadiu a câmara dos deputados a algum tempo atras (veja aqui). Eles acreditam piamente que exista uma conspiração global encabeçada por comunistas para dominar o mundo, veem comunismo até nos lucros estratosféricos do Itaú, não tem muito senso crítico e concordam com qualquer absurdo que corrobore com sua fantasia sem sentido.



2. Bancada evangélica, simpatizantes e aliados:
Um problema sério e crescente no país é a influência de grupos religiosos, mais especificamente os evangélicos, pois é o único grupo religioso organizado no governo, comumente chamados de "bancada evangélica". Esse grupo é responsável ou está envolvido diretamente com todo e qualquer retrocesso e discriminação advinda do governo. Trabalha, quando o faz, apenas em benefício de suas igrejas, seus gigantescos patrimônios de origem duvidosa ou em medidas que deixem o povo cada vez mais suscetíveis a serem coaptadas para seus rebanhos. Esses veem no projeto "Escola Sem Partido" um instrumento vital e crucial para impedir qualquer tipo de pensamento crítico em crianças para concorrer com seus esquemas de controle e medo.



3. Mídia, poder público e aliados:
Esses topam toda e qualquer parada que sirva para depredar e sucatear ainda mais o ensino público. Qualquer projeto que signifique um povo alienado, dependente da mídia mainstream e incapaz de pensar por si próprio, assimilando qualquer mentira ou distorção empregada, agindo como gado tangido, é mais do que interessante. Juntamente com a proposta asquerosa de "reforma do ensino médio", esse projeto se alinha perfeitamente com o objetivo de formação acadêmica inexistente e a posterior privatização do ensino público.
Para esses setores, um povo inteligente o bastante para apertar botões e burro o bastante para não questionar é quase um paraíso na terra.


A VERDADEIRA doutrinação.

Os absurdos que a desonestidade intelectual e filosófica que esses setores são capazes de cometer, ofendem a inteligência de qualquer ser pensante. Ao passo que países do primeiro mundo estudam e aplicam a metodologia de ensino inspirada em Paulo Freire e o mesmo é objeto de inúmeros elogios e reconhecimento fora do Brasil, enquanto aqui, esses setores desonestos distorceram completamente os princípios de pensamento crítico e consciência, transformando-os em doutrinação marxista e taxando-o como comunista, repudiando-o. Por fim criam a fantasia de uma doutrinação que além de não existir da forma que alegam, se mostra na verdade uma doutrinação altamente preocupante que se alastra feito praga, tal qual eles mesmo, a doutrinação religiosa.

Os relatos de abusos de professores, diretores e funcionários tendo como motivação e justificativa seus próprios dogmas e fanatismo religioso se multiplicam a anos pelo país inteiro, criando situações vexatórias, dignas de países atrasados e governados por doutrinas religiosas. São casos diretores que proíbem que professores ensinem sobre cultura africana, professores incompetentes e ignorantes que esquecem estarem em um ambiente acadêmico e desatam a propagar as falácias do criacionismo, falam de suas crenças religiosas como se fossem verdades absolutas e não polpam preconceitos e intolerâncias à outras culturas e religiões. Alunos vítimas de preconceito religioso de outros alunos e mesmo de profissionais da educação e uma gama preocupantemente alta e crescente de escolas que instituem orações cristãs no início de seus períodos, desprezando completamente o estado laico e a possível existência de alunos que pertencem a outras culturas ou religiões, esse segregados e apartados do restante dos alunos, caso não se sujeitem ao abuso. (deixarei no fim da postagem, alguns links de notícias sobre esse assunto).

O ensino, tanto público quanto privado no Brasil, são dignos de vergonha, isso não é segredo. O fato é que, essa escalada religiosa, seus abusos e certeza de impunidade por conta de seus comparsas em cargos no governo em todas as esferas, configuram eles sim, um quadro real e urgente que compromete ainda mais e de forma grosseira a formação dos alunos, deixando em situação humilhante alunos que se veem impedidos de protestar para não serem vítimas de ainda mais preconceito e de seus pais que, ou não sabem como, ou preferem não denunciar e reclamar, para não expor ainda mais seus filhos a essa crescente intolerância.

Essa doutrinação e controle por parte dos evangélicos é um projeto público e assumido por bandidos santificados como Edir Macedo. Publicamente esses setores tem o projeto de eleger um presidente evangélico e intensificar ainda mais o loteamento do país e setores da sociedade com sua sede infinita de poder e dinheiro. Câmaras municipais, assembleias legislativas estaduais, câmara dos deputados e senado estão realmente infestados por esses doutrinadores preconceituosos e oportunistas, que na verdade estão por trás de toda essa mobilização e paranoia, além de estarem diretamente envolvidos nos mais escandalosos esquemas de corrupção e atos de pura intolerância, racismo, homofobia, xenofobia e outros.

Esse absurdos se somam ao fato de que a maioria absoluta dos brasileiros, dentro e fora da escola, sequer sabem quem foram e o que diziam Paulo Freire, Karl Max ou qualquer outro autor libertário ou de esquerda. A maioria sequer sabe o que é uma definição de esquerda ou uma doutrina libertária e os profissionais de educação em sua absoluta maioria, além de nutrirem muitas vezes a mesma completa ignorância, ainda são majoritariamente conservadores e reacionários de direita, mal remunerados, mal reconhecidos, não valorizados e muito, mas muito mal selecionados para suas funções. Além disso, um número crescente de adeptos de insanidades, como pregação religiosa em escolas e projetos que calam a eles mesmo, a exemplo desse amontoado de estrume que são a "Escola Sem Partido" e a "Reforma do Ensino Médio."

Certo mesmo estava Paulo Freire quando disse que "Quando o ensino não é libertador, o sonho do oprimido é se tornar opressor".

Se houvesse de fato algum tipo de doutrinação libertária nas escolas, não teríamos tantos ignorantes, tantos formandos analfabetos funcionais e tantos profissionais formados corroborando com essas besteiras e ataques deliberados a tudo que signifique cidadania, liberdade e respeito.

Fabiano "Abafh" Ruiz

Links relacionados:

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...